soluções saudáveis para o seu dia-a-dia.

Motivação condicionada ou motivação inteligente?

19/09/12

Sabemos que para qualquer empresa ter resultados positivos, ela necessita de profissionais competentes, dedicados e acima de tudo motivados. E é especificamente no quesito motivação que a maioria das empresas acabam deixando a desejar, elas  esquecem de valorizar o seu funcionário de forma satisfatória e é ai que os problemas começam a aparecer, pois um funcionário desmotivado não gera resultados.

As empresas estão condici0nadas a pensar que apenas pequenas atitudes de reconhecimento geram motivação, o que nem sempre é verdade, ou então que alguns gestos como um elogio, um aperto de mão ou uma premiação são suficientes para deixar o profissional motivado. Isso sem dúvida são práticas que devem acontecer dentro da empresa, mas  sozinhas não se encarregam da difícil tarefa de motivá-los, é o que entendemos por motivação condicionada. É imprescindível que o funcionário se sinta reconhecido e valorizado dentro da empresa; e existem diversas práticas que o profissional de RH pode adotar para auxiliar nesse processo:

- Criar um ambiente próprio para descanso,

- Implantar programas para a prática de exercícios físicos,

- Estimular o funcionário a se alimentar bem, mesmo fora da empresa, com programas de reeducação alimentar.

E qualquer outra prática visando o bem-estar e qualidade de vida.

Além dessas medidas, comemorar as pequenas vitórias, ver o lado positivo de uma derrota, encarar os problemas como um degrau para a criatividade, conhecer os gostos, ideais e sonhos dos funcionários também são práticas que ajudam a aumentar a motivação. Isso é motivação inteligente: motivar o funcionário através de diversos recursos diferentes.

 

Fonte: RH Portal

Maná FrutasSaúde para a empresa

 

Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+

Rua Aurélia, 1901 - Vila Romana / São Paulo - Fone: 11 2925 8350